Há segredos que devem ser partilhados.

Como o de que Malta, no coração do Mediterrâneo, que é um pequeno paraíso.

Um segredo que Brad Pitt descobriu há algum tempo e que deu agora a conhecer à família, que se mudou de armas e bagagens para a ilha enquanto o ator está a filmar World War Z. Brad Pitt visitou a pátria de Corto Maltese anos antes, para protagonizar Tróia, o épico que foi aqui filmado.

Na verdade, a pitoresca ilha de Malta tem sido um cenário frequentemente escolhido por Hollywood.

Os seus edifícios a respirar história e memórias milenares tornam-na num dos locais preferidos para filmar grandes superproduções, como GladiadorO Conde de Monte Cristo ou Ágora.

Também a variedade de paisagens, o mar cristalino e as curtas distâncias fazem desta pitoresca ilha um local muito atrativo para os grandes estúdios americanos.

Já para não falar do clima ameno, das doze horas de luz por dia no Verão e dez no Inverno e das excelentes infraestruturas hoteleiras.

Por exemplo, no filme Munique, de Steven Spielberg, Malta converteu-se em nada mais do que sete países diferentes: Espanha, Itália, Israel, Palestina, Grécia, Chipre e Líbano. Ficou com vontade de se perder neste arquipélago no coração do Mediterrâneo?

10 pontos de interesse a não perder:

 

Valetta, a capital do país. Reserve pelo menos uma tarde para visitar este centro histórico, Património da Humanidade da Unesco, e um dos lugares com mais monumentos por metro quadrado.

Mdina e Rabat respiram a herança romana e fenícia, nas suas villas e encantadoras ruas empedradas, sob as quais se pode passear por um autêntico labirinto subterrâneo de catacumbas.

Os Mediterranean Film Studios, em Fort Ricasoli, para amantes de cinema e não só. Trata-se de um espaço com cerca de sete hectares onde se criaram vários cenários para filmes. Mas o que tornou estes estúdios verdadeiramente famosos foram os seus depósitos de água, que permitem filmar cenas aquáticas num ambiente controlado e com o mar como pano de fundo. Deste modo, os realizadores podem simular o oceano sem recorrer a efeitos especiais ou ao computador, pois o Mediterrâneo dá-lhes tudo o que eles precisam.

Os templos Megalíticos nas ilhas de Malta e Gozo, também Património da Humanidade da Unesco.

Lagoa Azul que separa Comino e Cominotto, as irmãs mais pequenas deste arquipélago.

ilha de Gozo, a segunda maior do arquipélago, e pátria de Calipso, a ninfa que atraiu Ulisses. Para aqui chegar basta apanhar um dos muitos barcos que fazem a ligação entre as ilhas e apreciar a paisagem, para a seguir se deixar surpreender pela vista desde o alto da cidadela da sua capital, Victoria.







Se tiver curiosidade, pode visitar a gruta de Calipso, local onde, segundo a lenda, Ulisses foi feito prisioneira durante sete anos.  A Dwejra Bay, de águas cristalinas e quentes, é um paraíso para os mergulhadores.

É aqui que encontra um alto rochedo em forma de arco, a Janela Azul, que aparece agora na série Game of Thrones.

Guarde tempo para visitar o Mar Interno, uma lagoa ligada ao mar através de um túnel de 80 metros, e para relaxar na praia mais famosa do arquipélago, a Ramlay Bay, célebre pela cor avermelhada da sua areia.



 

Descontos que vão até aos 50% na sua próxima estadia em Malta

RECOMENDAMOS :

MALTA

REPUBLICA CHECA

TURQUIA